Leghorn Branca

Blog, Raças de Aves

A Leghorn Branca é uma raça de galinha, muito conhecida por sua incrível capacidade de postura. Tal característica, lhe rendeu o título de “Rainha dos Ovos“. Foi a grande protagonista da indústria de ovos durante o século XX. No entanto, hoje é uma raça mais adequada para criações de quintal e pequenos planteis.

São aves pequenas, ativas e um pouco barulhentas. Se tiverem oportunidade, as Leghorns gostam de procurar seu próprio alimento, pois são excelentes forrageadoras. Insetos, folhas, sementes e outros vegetais, estão em sua dieta.

A origem exata da raça Leghorn não é conhecida. Apesar disso, sabe-se que os primeiros exemplares foram levados da Itália para os EUAs no final da década de 1820. De lá, foram exportados para a Inglaterra na década de 1870. Nesses dois países, houveram melhoramentos genéticos significativos.

A Leghorn Branca é simplesmente a raça de maior produção de ovos do mundo. Esta poedeira de ovos brancos de alto padrão é criada em grandes números na Inglaterra, Canadá, Austrália, Estados Unidos e Brasil. Continue lendo para saber mais sobre essa incrível raça!

Qual a origem da Leghorn Branca?

A origem da raça Leghorn não é muito clara, mas há indícios de que tenha surgido na Toscana, região central da Itália. É provável que fazendeiros locais tenham cruzado várias raças crioulas, com intenção de obter uma linhagem melhorada, originando a Leghorn.

O termo “Leghorn” foi derivado da palavra Livorno. Livorno é a cidade portuária, na Itália, cujas primeiras Leghorns foram exportadas para os EUA, por volta de 1828.

Depois de alguns melhoramentos genéticos, para suportar o frio dos Estados Unidos da América, as Leghorns foram enviadas, em 1870, para o Reino Unido. Por sua vez, os ingleses acharam essa galinha muito pequena e fizeram alguns cruzamentos, para torná-la mais robusta. Posteriormente, o pássaro retornou aos EUA, já como uma ave de duplo propósito. A Leghorn fez extremo sucesso na indústria avícola americana após 1910.

Na atualidade, a grande maioria das Leghorns Brancas, que vimos por aí, são as americanas.

Principais curiosidades sobre a raça Leghorn

  • O nome Leghorn vem de Livorno, cidade costeira na qual as primeiras aves foram exportadas para os EUA;
  • Existem Leghorns em uma variedade de cores, incluindo: preto, vermelho, branco e castanho;
  • Os galos pesam cerca de 3,5kg e as galinhas cerca de 2,5kg;
  • Soltas, elas comem relativamente pouca ração e preferem buscar sua própria comida;
  • São uma raça bastante independente;
  • Talvez não seja a melhor raça para aqueles que tenham muitos vizinhos, pois são aves barulhentas;
  • É famosa por ser a melhor raça poedeira do mundo.

Leghorn Inglesa x Leghorn Americana

Devido aos vários melhoramentos feitos na Inglaterra e nos EUA, hoje temos duas variações predominantes:

  • Inglesa: Os britânicos optaram por pássaros com maior estatura, crista e barbela também maiores. Além disso, a Leghorn Inglesa é uma pássaro de duplo propósito.
  • Americana: Por outro lado, os americanos optaram por aves menores. Por conta do inverno mais rigoroso, também reduziram o tamanho da crista, minimizando o risco de congelamento.
Leghorn Americana - a rainha dos ovos
Leghorn Americana

Leghorns Inglesas e Americanas efetivamente se tornaram duas raças distintas, mantendo o mesmo nome. Ainda hoje, ambas mantêm as diferenças.

Conheça a Galinha Leghorn Branca: A rainha dos Ovos

A Leghorn Branca é uma raça muito popular por sua grande produção. Você pode esperar de 5 e 6 ovos por semana, mesmo durante o inverno. Como resultado, ficou conhecida por ser “A Rainha dos Ovos”.

Leghorns são aves de tamanho pequeno, porém bastante elegantes. Possuem crista rosada, lóbulos das orelhas na cor branca e pernas amarelas. São admitidas em diversos padrões de cores, além do branco.

É um pássaro alegre, barulhento e um pouco assustado. Além disso, as Leghorns são muito ativas e gostam de ciscar, em busca do seu próprio alimento. Eles são bem tolerantes ao frio e ao calor, embora a crista grande pode ficar sujeita ao congelamento, em locais muito frios.

O padrão da raça Leghorn

Para muito pode ser uma novidade, mas existem Leghorns em vários padrões de cores, além do branco usual. É a raça campeã no mundo, quando se trata de postura.

A galinha Leghorn é uma ave muito pequena e leve, com corpo estreito e em formato de “U”. A cauda é mantida sempre ereta. Seus olhos são laranja-avermelhados, bico é amarelo e os lóbulos das orelhas são brancos. Uma característica marcante da maioria dos exemplares dessa raça é a crista simples, grande e flexível. Além disso, as barbelas são igualmente grandes. A pele e as pernas são de cor amarela e cada um dos pés possuem 4 dedos.

São reconhecidas em 15 padrões, com crista rosa (americana) ou crista simples (inglesa): Entre elas, a branca, amarela, marrom, vermelha, preta e outras.

As Leghorn são aves esbeltas, especialmente os galos, que contam com uma bela plumagem na cauda.

Cores

Embora a galinha Leghorn Branca seja a mais popular, existem vários outros padrões de cores para essa raça. Elas podem apresentar uma mistura de marrom claro e escuro, branco, preto, amarelo, vermelho e até dourado. Logo, é até difícil caracterizar exatamente como é o padrão dessa raça.

Cores e padrões da raça Leghorn
Existem diversas cores e padrões da raça Leghorn

A depender da sua origem, algumas variantes possuem a crista em formato simples e outras a crista rosa.

As galinhas Leghorn são reconhecidas em 15 padrões de cores:
  • Marrom escura com marrom clara e crista simples:
  • Branca com crista simples:
  • Preta com crista simples:
  • Amarela com crista simples:
  • Prata com crista simples:
  • Vermelha com crista simples:
  • Vermelha de cauda negra com crista simples:
  • Colúmbia com crista simples:
  • Dourada com asas de pato e crista simples:
  • Marrom clara com crista rosa:
  • Marrom escura com crista rosa:
  • Branca com crista rosa:
  • Preta com crista rosa:
  • Amarela com crista rosa:
  • Prata com crista rosa:

Tamanho e Peso

Leghorn é uma ave de raça pequena, que cresce rapidamente e atinge o seu tamanho adulto em poucos meses. Os galos alcançam 3,5kg, enquanto as galinhas cerca de 2,5kg.

Devido ao baixo peso, essa raça não é indicada para produção comercial de carne. Contudo, podem ser utilizadas na alimentação familiar.

Temperamento

As aves dessa raça são muito inteligentes, curiosas e ativas. São independentes e estão sempre se movimentando em busca de insetos e outros alimentos. Porém, são bastante desconfiadas com pessoas estranhas e se assustam facilmente.

Um ponto importante da Leghorn é que elas gostam de voar. Portanto, se tiverem oportunidade, elas se empoleirarão nas árvores. Além do mais, são pássaros alegres e um pouco barulhentos, tornando-se inadequados para áreas mais urbanizadas.

A Leghorn é uma aquisição interessante, para aqueles que possuem as condições ideias para manter uma ave com tais características. Além disso, ainda fornece ovos brancos em uma quantidade insuperável por qualquer outra raça.

Aptidão da Raça Leghorn Branca

Indiscutivelmente, a grande vocação da galinha Leghorn é a postura. Entre todas as raças de frangos do mundo, esta é a de melhor performance. Foi esse desempenho, aliado ao baixo consumo de alimentos, que garantiu o seu destaque nas granjas de ovos, a partir dos anos 1900. Nos dias atuais, já foi substituída pelas galinhas hibridas, que, além da produção, também permitem um aproveitamento comercial da carcaça. Mas, isso é um assunto para um outro artigo.

A Leghorn Branca pode botar entre 5 ou 6 ovos por semana, mesmo no inverno ou durante a fase de muda. Isso equivale a uma produção de 280 a 320 ovos brancos por ano. Certamente, algumas galinhas dessa raça serão suficientes para abastecer uma família e ainda sobrarão ovos para aos amigos. Vale lembrar que, independentemente da cor da plumagem, todas elas põem ovos brancos. Entretanto, outras cores colocam apenas cerca de 4 ovos por semana.

A postura das franguinhas Leghorn normalmente começa bem cedo, com 18 a 20 semanas. Além disso, consegue manter boa produção durante até 4 anos.

Apesar do principal destaque da raça ficar por conta da produção de ovos, também é viável para consumo familiar.

Características dos ovos

As galinhas Leghorn são excelentes poedeiras. Acima de tudo, são altamente econômicas. Elas comem pouco e botam muito, tornando o custo por ovo bem menor. Se ficarem soltas, o consumo de ração será ainda menor, pois elas adoram procurar insetos, sementes e vegetais para completarem a dieta.

Essa alta produção de ovos tornou essa raça uma escolha muito popular entre os criadores domésticos. Sua vida útil é relativamente longa. Todavia, a produção vai decaindo conforme a galinha envelhece.

A Leghorn já iniciar a sua postura com ovos de tamanho médio, que aumentam de tamanho gradativamente. Seus ovos possuem casca branca e peso em torno de 55g.

Ovos galados de Leghorn Branca
Ovos galados de Leghorn Branca

Embora, ovos brancos sejam associados popularmente a ovos de granja, isso é falso. A cor do ovo está relacionada unicamente à raça da ave e não ao sistema de criação. Da mesma forma, seus valores nutricionais são exatamente os mesmos dos ovos vermelhos, rosas ou azuis.

Qualidade da carne

Primeiramente, é necessário frisar que a aptidão da galinha Leghorn é a postura. Dito isso, no fim da vida útil, é possível o aproveitamento para consumo familiar. Contudo, são frangos muito leves para produção comercial de carne.

Por serem aves muito saudáveis, fornecem carne de ótima qualidade para qualquer receita.

O clima ideal para a Leghorn

As galinhas Leghorn são muito robustas e adaptáveis. Eles se dão muito bem em climas quentes e podem tolerar o frio. Embora possam suportar o frio, essas aves são originárias de clima temperado. Em outras palavras, elas são mais adaptadas ao clima temperado.

Em locais em que a temperatura pode ser negativa e há ocorrência de geadas (ou mesmo neve), como no Sul do Brasil, deve-se prover um galinheiro que as mantenha secas e aquecidas durante a noite. Isso, pois as cristas grandes da Leghorn são sujeitas a queimaduras ou mesmo ao congelamento.

Um ponto positivo, diferentemente de outras raças, é que essa galinha mantém ótima postura mesmo durante os meses de inverno.

Alimentação

A galinha Leghorn Branca é uma poedeira muito econômica. Por conta do seu tamanho reduzido e baixo consumo de ração, é capaz de botar muitos ovos a um custo muito pequeno.

Além disso, se você deixá-las soltas, o gasto com ração será muito menor. Ou seja, elas são excelentes forrageadoras, capazes de encontrar comida para complementarem sua dieta. Elas adoram passar o dia caçando insetos no quintal.

Também é essencial fornecer uma ração balanceada como complemento da dieta. Isso é importante para garantir o fornecimento das proteínas, vitaminas e minerais, necessários para manter a saúde e a nutrição das galinhas. Recomenda-se uma ração de postura, com no mínimo 16% de proteína. Além disso, é interessante fornecer farinha de ostra ou calcário calcítico, em recipiente separado.

Água limpa e fresca deve estar disponível sempre.

Cuidados

A Leghorn é uma raça bastante rústica e não carece de muitos cuidados.

Muitos criadores permitem que suas galinhas andem pelo quintal em busca de insetos. Durante o dia, são bastante atentas com relação a predadores, mas durante a noite devem ser protegidas em galinheiro fechado.

Galo e galinhas da raça Leghorn Branca
Galo e galinhas da raça Leghorn Branca

Para assegurar a produtividade e a saúde das galinhas, é importante manter o ambiente sempre limpo. Além disso, fornecer uma alimentação equilibrada, água fresca e um local sombreado para os dias quentes é essencial. Com esses cuidados, as galinhas Leghorns podem ter uma vida saudável e produzir muitos ovos.

Uma observação importante é que as Leghorns voam muito bem, podendo se empoleirar em árvores ou até mesmo voar sobre as cercas. Portanto, talvez seja necessário cortar as penas de apenas uma das asas, para evitar esse comportamento.

Problemas de saúde

Da mesma maneira que não exige cuidados especiais, essa raça também não costuma apresentar problemas de saúde. Em suma, são bastante resistentes a doenças. No entanto, por serem poedeiras de alto rendimento, elas normalmente vivem apenas até os 6 anos de idade.

Como ocorre com todas as aves, a Leghorn é propensa a parasitas como piolhos e ácaros. Vermes intestinais também podem ser um problema. Mas, a prevenção através da higiene constante do galinheiro e, eventualmente, o tratamento com antiparasitários – como a Ivermectina – neutralizarão tanto os parasitas intestinais, quanto os piolhos e ácaros.

O galinheiro

As galinhas Leghorn são muito ativas e, portanto, ficarão contentes se tiverem um quintal grande para ciscar durante o dia.

Para que as aves possam dormir resguardadas de predadores, você precisará proporcionar um galinheiro coberto e bem protegido. Além disso, um galinheiro também vai proteger vai protegê-las das intempéries e das noites frias. É importante que haja proteção contra o vento.

Para o galinheiro, procure ideias simples e fáceis de seguir. Você pode usar um misto de madeiras, telas e telhas de fibrocimento. Você pode executar projetos simples de galinheiro em um único final de semana.

Considerando que essa raça é bem barulhenta, talvez seja interessante posicionar o galinheiro mais longe dos seus vizinhos, evitando reclamações.

Ao planejar as dimensões do galinheiro, recomenda-se a regra de 4 a 5 galinhas por metro quadrado (m²). Se for mantê-las em confinamento, dobre o espaço para que elas possam andar, pois são aves inquietas. Para os poleiros, calcule 20cm por pássaro adulto. Esse espaço será suficiente para possam se espalhar um pouco no verão ou se aconchegar nas noites frias de inverno. Para os ninhos, reserve um espaço, de preferência, com menos luz.

Ninho

Galinhas da raça Leghorn são super amigáveis entre si e adoram dividir um ninho, mesmo se tiverem outras opções disponíveis. Sendo assim, é trivial ver duas galinhas botando ovos ao mesmo tempo!

As caixas de nidificação são o melhor lugar para as galinhas botarem. Os ninhos ajudam a proteger os ovos de serem perdidos, quebrados ou comidos por predadores. E, ainda por cima, é mais fácil encontrar todos os ovos no mesmo lugar.

O tamanho recomendado para as caixas de nidificação é de 30x30cm. Coloque as caixas na lateral do galinheiro e adicione uma tampa de abertura. Assim, será mais fácil coletar os ovos. Suas galinhas vão adorar!

Reprodução

As galinhas Leghorns são famosas por botarem muitos ovos. Elas geralmente iniciam a postura ao se aproximarem dos 5 meses de idade. Durante os 12 meses do ano, cada galinha pode botar entre 280 a 320 ovos brancos.

As galinhas Leghorn não são conhecidas por serem boas mães. Isso significa que elas não sabem chocar os ovos. Ou seja, os criadores selecionaram as Leghorns ao longo do tempo para serem excelentes poedeiras, mas não para chocarem.

Se você tiver ovos férteis de Leghorn, é melhor usar uma chocadeira elétrica. Posteriormente, você também precisará de uma campânula e uma lâmpada de aquecimento, para manter os pintinhos recém-nascidos aquecidos.

Os pintinhos

Os pintinhos da raça Leghorn nascem amarelos e fofinhos, com pequenas asas e penas em desenvolvimento. São muito saudáveis e ativos desde o nascimento. À medida que crescem, desenvolvem penas brancas, leves e finas. Além disso, a seleção genética que originou essa raça primou por aves de rápido amadurecimento e início precoce da postura.

Considerando que essa é uma raça bastante independente, se você manusear os filhotes com frequência, eles se tornarão um pouco mais receptivos as pessoas.

Distinguir os pintinhos Leghorn entre machos e fêmeas pode ser difícil, especialmente quando são jovens. No entanto, existem algumas maneiras de tentar determinar o sexo. Dentre as principal forma, está a verificação das penas da cauda. Enquanto os machos desenvolvem penas mais compridas e pontiagudas, as fêmeas desenvolvem penas mais arredondadas e curtas na cauda.

Com o passar do tempo, as cristas dos pintinhos também se tornam maiores, em comparação às das pintainhas. Outra diferença, fica por conta do comportamento mais agressivo dos machos, que começam a brigar entre si.

Contudo, vale lembrar de que esses métodos não são 100% precisos. Para concluir, a melhor maneira de determinar o sexo de um pintinho Leghorn, é esperar que ele cresça, evidenciando as suas características sexuais.

Onde comprar Leghorn Branca?

Se você quer começar a criar galinhas Leghorn, é importante prestar atenção em alguns detalhes na hora de comprar as aves. Antes de fechar negócio, leia a descrição do anúncio com atenção para ter certeza de que está comprando uma Leghorn verdadeira. Além disso, não hesite em entrar em contato com o criador, fazer perguntas e pedir fotos adicionais.

Ao visitar o criatório, observe as condições em que as aves são mantidas e peça para ver as matrizes, que são as aves reprodutoras. Desconfie de criadores que tentam vender galinhas dessa raça sem muitas informações. Fazendo uma escolha cuidadosa, você terá mais chances de começar sua criação com aves saudáveis e autênticas da raça Leghorn.

Os criadores que mantém e comercializam galinhas Leghorn de qualidade, precisam investir bastante esforço e recurso financeiro em seus planteis. Por isso, o preço de ovos galados, pintinhos e casais adultos pode ser significativo. Geralmente acima de 50 Reais para uma dúzia de ovos galados, 20 Reais para um pintinho e 150 Reais para um casal adulto. Portanto, você precisa estar preparado para investir nesse valor, caso queira iniciar a criação dessa raça.

Considerações finais sobre a galinha Leghorn Branca

A Leghorn Branca é uma das raças de galinha mais famosas do mundo. De origem italiana, essa linhagem se espalhou pelo mundo, e agora é encontrada, inclusive, no Brasil. São famosas por sua pequena estatura, penas brancas e cristas grandes.

Uma das principais características da galinha Leghorn é sua capacidade de postura. Elas podem botar até 320 ovos por ano, o que é uma quantidade muito alta em comparação com outras raças de galinha. Os ovos são brancos e de tamanho médio a grande. Além disso, a Leghorn é uma ave ativa, independente e que está sempre alerta, sendo ideal para espaços abertos.

As galinhas Leghorn Branca foram muito usadas na produção comercial de ovos, devido à sua inigualável capacidade de botar ovos. Contudo, hoje em dia os criadores domésticos mantém essa raça em muitos quintais. Elas são geralmente saudáveis e fáceis de cuidar, tornando-se uma escolha popular para os amantes de aves.

Se você busca uma galinha econômica na ração e que bote muitos ovos, a Leghorn é pra você.

Ficou com alguma dúvida sobre essa raça? Faça o seu comentário logo abaixo.

Publicado por Saty Jardim em / Atualizado em 9 de maio de 2023

Deixe o Seu Comentário:

três × 1 =